Uma coisa que sabemos sobre o treinamento de força é: importância de continuar progredindo seus desafios e tentando coisas novas. Supino sempre será bom, mas você certamente sentirá resultados diferentes com o crucifixo reto, assim que tentar.

”O crucifixo reto pode ser feito deitado no chão ou em um banco de peso, para ter apenas um pouco mais de amplitude de movimento”.

O chão permite que você abra seus braços apenas até um determinado nível, ou seja, limitando a amplitude do movimento. Já o banco permitirá que você desça mais um pouco, isto é, maior amplitude de movimento.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O que é o crucifixo reto?

O crucifixo reto é um exercício de mecânica isoladora para os peitorais. Seu movimento é semelhante à movimentos como dos pássaros, em especial, o simbolo nacional: Sabiá. Na língua inglesa o crucifixo é chamado de fly, pois seu nome foi dado, como base no movimento de voar, ”bater as assas”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sua utilização na musculação é preconizada pelo fisiculturista Arnold Schwarzenegger, o qual alegava que: ”os flys ajudaram a alargar meu peito”.

Músculo alvo Peito
Mecânica Isolador
Equipamentos Halteres
Dificuldade Fácil

Benefícios do fly

Esse exercício atinge todas as áreas dos peitorais, mas mais significativamente as fibras esternais – aquelas que se ligam diretamente ao esterno. O crescimento nesta área específica cria a aparência definida de “separação do peito”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

”O movimento também é melhor em estimular as fibras do peito através do espectro do que o supino plano”.

Como executar corretamente o crucifixo reto?

Execução correta do exercício para peitoral crucifixo reto, com músculos envolvidos.

Vamos dar uma pausa? Exercite o músculo do dedo e force o like:

16+

  1. Deite-se de costas com os joelhos dobrados, os pés no chão e segure os halteres para cima sobre o peito.
  2. Com uma ligeira flexão no cotovelo, abra os braços lentamente para o lado.
  3. Comprima seu peito enquanto você reúne os pesos no topo.
  4. Repita para o número desejado da série. Ex.: 12 repetições.

Execução certa em vídeo

Observações

  • Como a maioria dos movimentos da musculação, você deve aprender a execução correta do exercício, para posteriormente adicionar uma sobrecarga maior.
  • Mantenha uma ligeira flexão no cotovelo e abaixe os braços devagar, assim como para os levantar. Este movimento lento e controlado proporciona melhores resultados e ajuda a evitar lesões.
  • Evite arquear as costas. Seu objetivo é recrutar e direcionar fibras musculares do peitoral, para estímulos hipertróficos.
  • Certifique-se de não esticar totalmente os braços e bloqueá-los. Isso tira a ênfase das fibras musculares dos peitorais e canaliza a carga que você está levantando para as articulações do cotovelo e do ombro. ”Isso também aumenta o risco de lesões e não ativa o peito o suficiente”.
  • Tenha cuidado para não deixar os cotovelos descerem demais na posição inicial. Eles devem permanecer em linha com o seu tronco no banco.
  • O alongamento excessivo durante essa parte do movimento pode prejudicar seus ombros e reduzir a quantidade de trabalho que os músculos peitorais fazem.

Leia também:  Execução Correta para o Supino Inclinado.

Quais músculos são trabalhados durante o exercício?

Músculos Envolvidos no exercício fly

Músculos Primários Peito (maior e menor) e deltoide frontal
Músculos Secundários Bíceps, deltoide lateral, bíceps e tríceps

Deltoides

”Um dos principais grupos musculares trabalhados em um crucifixo reto é o músculo deltoide, ou seja, seus ombros.”

Com esses músculos você estende, flexiona e gira seu braço. Na vida cotidiana, você usa seus deltoides para ajudá-lo a levantar objetos, por exemplo.

”O crucifixo reto trabalha as partes frontais e médias dos músculos deltoides, com algum fortalecimento secundário dos deltoides posteriores na parte de trás dos ombros”.

Peitorais

Esse exercício também atinge, principalmente, os músculos do seu peito. Tanto o peitoral menor quanto o maior, trabalham muito, quando você está fazendo o crucifixo reto.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Quando os músculos do peito são utilizados?

”Você os usa quando movimenta o ombro para empurrar algo ou quando volta para coçar as costas, a título de exemplo”.

Músculos secundários trabalhados

”Embora o foco principal de um crucifixo reto esteja em seu peito e ombros, há algum envolvimento dos músculos em seus braços e costas.”

  • Seus músculos rombóides, entre sua espinha e seu ombro, são trabalhados a partir deste exercício.
  • Seus músculos serrátil anteriores, que conectam suas costelas ao seu ombro, também carregam um pouco da carga.

Por fim, os músculos do manguito rotador, associados ao ombro, e os músculos do bíceps do braço recebem alguns benefícios do treinamento.

Variações do exercício

Crucifixo inclinado

”O crucifixo inclinado atinge o topo dos peitorais (peitoral superior), mais do que a versão plana do exercício”.

Para fazer isso:

  1. Coloque seu banco em uma inclinação de cerca de 30 °.
  2. Em seguida, deite-se e execute como faria com um banco plano, prestando o maior cuidado para não esticar demais ao trazer os pesos para baixo.

Execução em vídeo

Bola de ginástica

”Também pode ser feito em uma bola de ginástica, em vez de um banco, se você quiser introduzir alguma instabilidade no movimento”.

Veja a execução em vídeo:

Fontes:

  1. How To Perform the Dumbbell Fly Exercise – ThoughtCo

  2. Dumbbell Flys: Video Exercise Guide & Tips – Muscle & Strength


Então, aprendeu como executar corretamente o crucifixo reto? Conte para nós utilizando os comentários.

Redação Basefitness

A Redação da Basefitness apresenta matérias redigidas por nossa equipe interna: Profissionais da Saúde ou amantes do assunto. Todas matérias tem o comprometimento da facilidade da informação e, sempre que possível, estudos que comprovem as afirmações dos textos.

Deixe uma resposta