A glutamina é um aminoácido comumente utilizado na suplementação de diversas pessoas. Muitas dessas pessoas utilizam-na de forma errada, acreditam em benefícios que simples vitaminas podem a garantir.

Será destrinchado esse assunto com provas concretas sendo elas: estudos científicos.

O que é Glutamina?

Cadeia ramificada da glutamina
Cadeia ramificada da glutamina

A glutamina é um aminoácido livre que contemos em nosso corpo, ou seja, ela é sintetizada por ele. Nosso organismo consegue sintetizar cerca de 50-60% de sua IDR (quantia diária). O resto cabe a alimentação ou suplementação para atingir 100% da IDR.


Benefícios da Glutamina

A glutamina exerce diversos benefícios para atletas, provados pela ciência [1], e também benefícios para o público geral – analisando seu desempenho em diversas doenças, acidentes e recuperações de tratamentos [2].

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Benefícios para atletas

Melhora na imunidade, previne o catabolismo muscular, melhora da performance dentro do treinamento e reduz o ácido lático nos músculos.

Benefícios para publico geral

Em estudos recentes ela serviu na ajuda de recuperações de pessoas em casos de queimaduras, ferimentos e traumas. Também foi benéfica em pessoas durante quimioterapia – para o tratamento do câncer -,  indivíduos que estão em recuperação pós-cirurgia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Como tomar e quantidade recomendada

O método de ingestão da glutamina é simples, você apenas deve diluí-la em um líquido de preferência água, ou shake pós treino, sucos etc.

Vamos dar uma pausa? Exercite o músculo do dedo e force o like:

7+

Quantidade

A sua quantidade gira em torno de 10-15 gramas ao dia. Você pode dividi-la em 3 porções como grande parte dos fisiculturistas fazem sua utilização, ou usa-lá inteiramente após a sessão de treino.

  • Dividindo em 3 porções ficaria da seguinte maneira: 5 gramas no desjejum (café da manhã), 5 gramas pre treino e 5 gramas pós treino – note que foi utilizadas 15 gramas no exemplo.
  • Pacientes em câncer devem submeter-se a doses maiores como 15-35 gramas do suplemento. [1]
[1]  Glutamine supplements in the critically ill

Utilizando a alimentação para preencher a sua IDR

Carne vermelha, peixes, ovos, queijos são alimentos ricos em glutamina
Carne vermelha, peixes, ovos, queijos são alimentos ricos em glutamina

Caso você tenha lido atentamente quando foi redigido isto: ”O resto cabe a alimentação ou suplementação”, aqui serão listado alimentos ricos em aminoácidos (bcaa, glutamina, etc.).

  • carnes, peixes, ovos;
  • iogurte, leite, queijo;
  • feijão, favas. ervilhas:
  • repolho, beterraba, espinafre, couve, salsa.

Leituras recomendadas:

  1. Ashwagandha Aumenta a testosterona?
  2. Capsaicina ajuda a queimar gordura?

Imunidade

Se você está utilizando a glutamina, meramente, para aumentar a imunidade.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sinto em dizer, que está colocando dinheiro fora, pois é muito mais inteligente utilizar, por exemplo, vitamina C, para este objetivo.

Contanto que, surta vontade de saber mais a proposito disto recomendo este artigo da NBI.

Redação Basefitness

A Redação da Basefitness apresenta matérias redigidas por nossa equipe interna: Profissionais da Saúde ou amantes do assunto. Todas matérias tem o comprometimento da facilidade da informação e, sempre que possível, estudos que comprovem as afirmações dos textos.

Deixe uma resposta